search engine by freefind advanced
search engine by freefind advanced
Exemplo: CSS Dropdown menu sem JavaScript ou hacks
Visualizar Noticia

Bárbara Neves embarca para o Chile rumo ao Campeonato Latino-Americano de Enduro Feminino

02/10/2019

Bárbara Neves embarca esta semana para Campeonato Latino-Americano no Chile. Crédito Janjão Santiago

 

A piloto Bárbara Neves, da equipe Honda Racing Brasil, participa nesta semana do Campeonato Latino-Americano de Enduro Feminino e Infantil. Bicampeã brasileira de Enduro FIM, a goiana de 19 anos defende o título da competição, que será realizada em Pichilemu, a cerca de 200 quilômetros de Santiago, no Chile. Nesta sexta-feira (4/10), serão realizadas as vistorias técnicas, bem como o reconhecimento a pé do percurso da prova. Já as disputas estão marcadas para sábado e domingo (5 e 6/10).
 

Primeira mulher a integrar o time oficial na história da Honda Racing Brasil, Bárbara vive um ano intenso de atividades. Além do Brasileiro de Enduro FIM, ela conquistou em 2019 o bicampeonato do Enduro da Independência e o vice do Ibitipoca Off-Road - ambas tradicionais provas de regularidade do país. “Estou bastante confiante para esse desafio internacional. Participei da prova no ano passado, nessa mesma região de cascalho e pedra. O objetivo é conquistar novamente o título”, destaca a piloto, que neste ano disputará a categoria Pró, que reúne as principais competidoras. Em 2018, ela correu na Open Júnior (para atletas de até 21 anos).
 

Depois do Latino-Americano de Enduro, Bárbara tem no calendário mais uma prova fora do Brasil: o Enduro Internacional Feminino, em Lousada, Portugal, no dia 20 de outubro.

 

Líder entre os homens no Brasileiro de Cross Country - Versátil, Bárbara Neves compete de forma paralela no Campeonato Brasileiro de Cross Country, só que entre os homens da categoria Nacional Força Livre. Ela venceu a corrida da segunda etapa, no último domingo (29/9), em Rio Verde, Goiás, com a motocicleta Honda CRF 250F. 
 

O resultado levou a goiana à liderança da categoria. “Foi a primeira vez que eu ganhei uma corrida de cross country contra os meninos, o público foi ao delírio”, comemora a piloto. 

Voltar